Da redação

O vereador Olavo Sul (MDB) encaminhou ofício na segunda-feira (22) ao presidente da Câmara Municipal de Dourados, Laudir Munaretto (MDB), solicitando a atuação da mesa diretora, junto ao Poder Executivo, para que os agentes de segurança pública, em especial os guardas municipais, sejam enquadrados no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19 no município.

Conforme o vereador, após os profissionais de saúde, os servidores lotados nos órgãos de segurança pública estão no grupo mais vulnerável ao vírus, pela constante exposição, em destaque aos Guardas Municipais, que atuam na linha de frente nas fiscalizações. Olavo Sul, que é guarda municipal de carreira, destacou que aproximadamente 45 membros da corporação já foram contaminados pelo coronavírus e outros quatro estão afastados das atividades por apresentarem os sintomas da doença.

 “É primordial a vacinação em massa de todos os agentes, uma vez que há grandes riscos de não haver efetivo suficiente com o passar dos dias para a fiscalização, haja vista que a cada momento um policial testa positivo ao Covid-19”, argumentou o emedebista.

Olavo Sul enfatizou ainda que, caso não seja possível a vacinação dos agentes da segurança pública com as doses disponibilizadas pelo governo federal, seria importante o esforço da administração pública municipal para a compra direta das vacinas para atender esse grupo no mais curto espaço de tempo, tendo em vista que o município já está autorizado por lei a negociar diretamente com os laboratórios a compra dos imunizantes.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Olavo Sul quer inclusão de agentes da segurança pública no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19