Advogada de Campo Grande anunciou pré-candidatura à presidência estadual da OAB em Mato Grosso do Sul e já organiza time de apoio no segundo maior colégio eleitoral do Estado; ex-assessor de Délia Razuk será seu principal cabo eleitoral

 

A advogada Rachel Magrini anunciou oficialmente sua pré-candidatura à presidência da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Mato Grosso do Sul. Na disputa pela segunda eleição consecutiva, já que também foi candidata nas eleições de 2018, a advogada de Campo Grande terá sua campanha em Dourados coordenada pelos colegas Alexandre Mantovani e Wander Medeiros, ambos com ligação estreita com a ex-prefeita Délia Razuk.

Alexandre Mantovani foi assessor especial de Délia durante todo o mandato. Hoje está lotado no gabinete do deputado estadual Neno Razuk, filho da prefeita. Por outro lado, Wander Medeiros foi o principal advogado do grupo político da ex-prefeita, atuando em diversas causas de cassação de mandato e de denúncias de corrupção.

Tanto Alexandre Mantovani quanto Wander Medeiros já estão em pré-campanha eleitoral em favor de Raquel Magrini. Acompanhado por outros advogados do grupo, eles têm percorrido escritórios de advocacia apresentando a candidatura da campo-grandense como aliada à chapa que está sendo montada por ambos para se manter no poder na 4ª Subseção da OAB de Dourados.

Rachel Magrini disputou as últimas eleições da OAB-MS, quando ficou em segundo lugar em Campo Grande. Aos aliados, ela conta que resolveu entrar na disputa após sondagens em grupos que militam na entidade apontarem boa aceitação ao seu nome. É essa boa aceitação que Alexandre Mantovani e Wander Medeiros pretendem usar para conquistar votos dos advogados douradenses.

A pré-candidata tem sido uma crítica do judiciário de MS. "A advocacia tem sofrido com a morosidade do Judiciário, como a demora na expedição de alvarás, marcação de audiências e a letargia na prática de atos processuais simples que começam desde a distribuição das demandas pela CPE na justiça estadual e fundamentalmente pelo atendimento direto dos advogados pelos juízes, que piorou muito desde o início da pandemia", disse em entrevista recente.

Raquel Magrini deve passar por Dourados nas próximas semanas para definir com Alexandre Mantovani, Wander Medeiros e outros advogados do grupo, a estratégia que será usada para garantir votos na disputa estadual e, também, para manter o atual grupo no comando da 4ª Subseção da OAB Dourados/Itaporã.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Raquel Magrini vai disputar Seccional da OAB com apoio de Mantovani e Wander