Fotos: Valdenir Rodrigues

Vereadores e prefeito se reúnem com comerciantes  impactados pelo novo toque de recorrer

 

Empresários do comércio noturno se reuniram na manhã desta segunda-feira (15), na Câmara de Dourados, com os vereadores e com o prefeito Alan Guedes (PP), para pedir apoio contrário ao decreto estadual que amplia o toque de recolher das 20h às 5h, o que praticamente inviabiliza o funcionamento dos estabelecimentos que atuam no período da noite.

Com limitação de público em 30 pessoas, o encontro aconteceu momentos antes da reunião pré-pauta dos vereadores, que antecede a sessão ordinária que será realizada hoje às 15 horas. Os empresários protestam contra as medidas restritivas determinadas por meio do decreto do Governo do Estado em vigor desde ontem (14). O decreto restringe o funcionamento das empresas consideradas serviços não essenciais, como bares, lanchonetes, pizzarias e conveniências.

Os manifestantes foram recebidos pelo presidente do legislativo Laudir Munaretto (MDB), acompanhado pelo prefeito Alan Guedes. No encontro, o presidente da Câmara afirmou que tem buscado, junto ao Executivo, medidas que possam amenizar o impacto financeiro diante restrições de funcionamento do comércio noturno de Dourados. Para isso, ele reforçou ao prefeito Alan Guedes, a indicação coletiva que será protocolada hoje na Câmara, com assinaturas de todos os vereadores, propondo isenção de alvará e IPTU ao comércio noturno, incluindo o setor de eventos.

Já o prefeito Alan Guedes se comprometeu em buscar alternativas junto com a Câmara Municipal visando atender a solicitações do empresários e comerciantes, no entanto ressaltou que qualquer medida adotada pelo município não pode ser menos restritiva ao atual decreto em vigor do Governo do Estado, sob pena de afastamento ou até mesmo perda de mandato.

Participaram da reunião, os vereadores Daniel Junior (Patriota), Jânio Miguel (PTB), Drº Diego Castilho (DEM), Creusimar (DEM), Daniella Hall (PSD), Liandra (PTB), Jucelino (DEM), Fábio Luis (Republicanos), Cemar Arnal (Solidariedade), Sergio Nogueira (PSDB), Olavo Sul (MDB) e Marcio Pudim (DEM).

 

 

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Vereadores e prefeito se reúnem com comerciantes impactados pelo novo toque de recorrer